23/07/2019

Notícia/Região

Pista da Fernão Dias é liberada após acidente que matou um e deixou mais de 40 feridos

Foto: Reprodução/Redes Sociais

A polícia liberou os dois sentidos da Rodovia Fernão Dias na madrugada deste sábado (30) após o acidente que matou um motociclista e deixou mais de 40 pessoas com ferimentos leves no fim da tarde de sexta-feira (29). A pista ficou totalmente interditada após a batida envolvendo cinco veículos, seguida de um incêndio que durou quase cinco horas.

O acidente envolveu duas carretas, um carro, um ônibus e uma moto. A vítima que morreu foi um motociclista de 28 anos, que teve o corpo carbonizado. Não foi possível identificar o homem.

Pelo menos 38 feridos eram passageiros do ônibus; quatro eram crianças. No carro, mais duas vítimas tiveram ferimentos leves, além de uma pessoa no caminhão. Todos foram atendidos por equipes médicas no local e liberados.

Congestionamento no trecho de Cambuí (MG) chegou a oito quilômetros — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Congestionamento no trecho de Cambuí (MG) chegou a oito quilômetros — Foto: Reprodução/Redes Sociais

O acidente

Segundo o Corpo de Bombeiros, o motorista de uma carreta carregada de gesso não conseguiu frear ao ver uma fila onde estavam o carro, a moto, o ônibus e a carreta. Ele bateu nos outros quatro veículos. As chamas começaram logo após a colisão.

O carro, a moto e duas carretas pegaram fogo. Apenas o ônibus escapou das chamas. Os bombeiros usaram cerca de 13 mil litros de água e tiveram ajuda de um caminhão-pipa da concessionária Arteris, que administra a rodovia.

As chamas foram controladas. Houve interdição dos dois sentidos da pista até por volta da 1h deste sábado. Até o início da noite de sexta-feira, o congestionamento chegou a oito quilômetros.

Grave acidente deixa uma vítima fatal em Cambuí — Foto: Reprodução / Redes Sociais

Grave acidente deixa uma vítima fatal em Cambuí — Foto: Reprodução / Redes Sociais

Veja também